Skip to content

Distribuidor Global Forte implanta Digifort com câmeras Samsung em cooperativa da Turquia

Enviado por marcelino - 16/03/2011 - Casos de Sucesso

Projeto foi idealizado para monitorar instalações da empresa líder na produção de azeitonas e azeite no mercado turco

 

Turquia foi mais um caso de sucesso internacional

A Digifort acaba de registrar mais um caso de sucesso no mercado internacional. Desta vez, o projeto foi desenvolvido pelo distribuidor e integrador de sistemas Global Forte, ajudando a consolidar o produto no mercado do Oriente Médio. A solução foi implantada para a “Ontário União de Cooperativas Agrícolas de Vendas das Oliveiras Marmarabirlik”, a maior produtora de azeitonas e azeites da Turquia.

 

A topologia proposta pela Global Forte contempla dois servidores, compostos por 128 canais e rodando a versão Enterprise do Digifort. Para fechar o pacote de monitoramento da Marmarabirlik, a tecnologia implantada ainda acompanha modernas câmeras IPs Samsung. A estrutura foi montada para focar na vigilância operacional e segurança das instalações da empresa turca.

 

“Eles estão comprando azeitonas cultivadas por seus parceiros e processando em locais modernos, saudáveis e higiênicos. Estas estratégias visam atender as exigências do consumidor, em relação à qualidade das azeitonas, patês e azeites. Aumentar a capacidade de armazenamento e amadurecimento das azeitonas, melhorando a presença nos mercados interno e externo, também é fator fundamental da empresa”, explica Carlos Eduardo Bonilha, diretor executivo da Digifort.

 

Bonilha reforça a importância dos parceiros, distribuidores e integradores internacionais para consolidar a marca Digifort entre as líderes do mercado mundial. “Neste caso da Turquia, temos que parabenizar a Global Forte e seus parceiros de negócios naquele país. O Oriente Médio tem um potencial enorme para este tipo de tecnologia, seja na indústria, comércio ou monitoramento urbano. Esperamos registrar vários casos de sucesso naquela região”, conclui o diretor.

Matérias relacionadas

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Comentar