Skip to content

Reconhecimento facial com tecnologia Digifort é destaque na segurança dos shows em Praia Grande

Enviado por marcelino - 10/01/2019 - Casos de Sucesso, Geral, Notícias

Sistema capta imagens do público em tempo real na entrada dos eventos e as transmite ao vivo para o Cicoe (Centro Integrado de Comando e Operações Especiais)

Por Prefeitura de Praia Grande.
Fotos: Divulgação PMPG.

.

pg-facial_01Para garantir ainda mais segurança e tranquilidade ao público que tem ido aos shows do Estação Verão Show, que acontece no Kartódromo Municipal, um moderno sistema de segurança foi implantado logo na entrada do local. Graças a um software de reconhecimento facial, todas as pessoas que passam pela entrada da área de eventos estão tendo suas imagens captadas, podendo ser identificadas no caso de alguma eventualidade. O sistema vinha sendo testado desde as primeiras apresentações e no último final de semana foi totalmente implantado, sendo uma ferramenta a mais no esquema de segurança do evento.

.

De acordo com o inspetor-chefe do Departamento de Planejamento e Tecnologia da Secretaria de Assuntos de Segurança (Seasp), Marco Alves dos Santos, câmeras captam as imagens, que são transmitidas simultaneamente a uma base móvel que foi instalada no local e também para o Centro Integrado de Comando e Operações Especiais (Cicoe), que fica no Paço Municipal. “Dessa forma, podemos identificar qualquer pessoa que integre algum banco de dados, como o da Polícia Civil, e também podemos formar o nosso próprio banco de dados. Caso uma pessoa se envolva em alguma confusão, por exemplo, na próxima vez que passar pelo sistema será imediatamente identificada”.

.

O inspetor explicou que as imagens ficam armazenadas e poderão ser utilizadas em outras situações de interesse público. Este software foi adquirido recentemente pela Administração Municipal e o objetivo é que, em breve, tenha seu uso ampliado na Cidade, inclusive para a identificação de suspeitos de crimes e de foragidos da Justiça. Praia Grande/SP investe maciçamente em tecnologia na área de Segurança Pública, contando, ao todo, com 2.136 câmeras instaladas em pontos estratégicos. Um outro exemplo de tanta tecnologia nesta área é o chamado “cerco eletrônico”, que consegue identificar qualquer veículo que acesse a Cidade, contribuindo significativamente para a redução dos índices de furto e roubo de veículos.

.

pg-facial_02

.

Dessa forma, podemos identificar qualquer pessoa que integre algum banco de dados, como o da Polícia Civil, e também podemos formar o nosso próprio banco de dados. Caso uma pessoa se envolva em alguma confusão, por exemplo, na próxima vez que passar pelo sistema será imediatamente identificada.

– Marco Alves dos Santos –

– Inspetor-chefe do Seasp de Praia Grande –

.

Sobre o Digifort

.

O software oferece soluções tecnológicas para as áreas de inteligência digital, vigilância empresarial e segurança urbana. Possui aproximadamente 25 mil clientes mundiais e cerca de 450 fabricantes com mais de 10 mil modelos de câmeras integradas. Atualmente, sua plataforma é desenvolvida continuamente no Brasil, comercializada em mais de 130 países e traduzida em vários idiomas, fazendo do software um dos melhores em avaliações do mercado internacional. Possui escritórios próprios e representações no Brasil, Estados Unidos, Hong Kong, Inglaterra, Austrália, Nova Zelândia, Argentina, Colômbia, México, Emirados Árabes Unidos, França, Tailândia, Índia e Singapura. Mais informações estão publicadas no www.digifort.com.br.

Matérias relacionadas

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Comentar